COMANDO GERAL

Diretoria de Pessoal 

Comunicado DP-114/312.1/17.

Em cumprimento à decisão proferida pelo Juiz de Direito da Décima Vara de Fazenda Pública de São Paulo, que concedeu em parte a tutela antecipada nos autos da Ação Civil Pública, Processo nº 1002705-96.2017.8.26.0053, a Diretora de Pessoal suspende o conteúdo do item 2.3, Capítulo II, do Edital n° DP-2/321/16, destinado à graduação de Soldado PM de 2ª Classe, para que fique sem efeito a cláusula que impeça o candidato de apresentar tatuagem visível no uso de qualquer uniforme da corporação, exceto quando violar valores constitucionais, respeitada a avaliação por parte da Administração Pública quanto ao conteúdo da tatuagem.

  • Clique nos botões abaixo, e saiba mais informações:

  


 




Obs. Informação colhida pela equipe do Curso Palestra Gratuita através do Diário Oficial, Vunesp e órgãos ligados a Segurança Pública

"Candidato preparado é candidato aprovado!" - Ronaldo Ligieri


Receba Novidades

Mural de Mensagens

Exame medico
Perfurei o timpano por causa de uma bolada no ouvi...
Cicatriz hipertrófica
Olá, bom dia!
Gostaria de saber se quem passou ...
ola amigos do do palestra,vou completar 31 anos em...