PSICOLÓGICO INDIVIDUAL PM

Prepare-se para o concurso

ENTENDA COMO A RESILIÊNCIA É INVESTIGADA NESSA FASE DO PSICOLÓGICO INDIVIDUAL PM

 

Nos tempos atuais nunca se falou tanto em resiliência, palavra bonita, e até tem quem a considere sofisticada, esta palavra está associada à capacidade que cada pessoa tem de lidar com seus próprios problemas, de sobreviver e superar momentos difíceis, diante de situações adversas e não ceder à pressão independentemente da situação, principalmente no psicológico individual da PM. A resiliência é a capacidade que nós desenvolvemos ao longo da vida de poder adaptar-se a mudanças, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas.

 

 

E você já parou para pensar em como você lida com problemas, com situações adversas? Aproveite também para analisar seu poder de tomada de decisão, sua iniciativa frente algum conflito que já enfrentou, se você adotou uma postura de recuar diante de alguma situação pense será que foi uma resistência ao me adaptar a uma situação inesperada, faltou autoconfiança para me posicionar em determinada situação?

Porque quando estamos inseguros de si, ou resistentes a algo implicará direto no meu processo de ser resiliente, a forma como encaro essas situações irá dizer se estou próximo ao caminho da resiliência ou não. Porém, não saberemos se não pararmos para refletir, e esse processo de reflexão é de extrema importância para você conseguir perceber se de fato está desenvolvendo resiliência ou dificultando seu próprio processo de aprendizagem.

Você já parou para ler o edital do concurso de soldado? Se já com certeza reparou que resiliência é um dos itens, que será investigado e avaliado na fase Psicológico Individual PM.

O edital do concurso de Soldado da PM SP específica que a falta de resiliência é de caráter eliminatório durante a avaliação nas fases do Coletivo da PM e na fase Psicológico Individual PM, sendo assim se torna um dos motivos para qual você queira entender melhor sobre esse assunto.

A resiliência demonstra se uma pessoa sabe ou não trabalhar bem sob pressão, logo tudo faz sentido, uma vez que nessa carreira militar para que você obtenha êxito e crie seu plano de carreira se faz necessário além de todo o controle emocional que você consiga trabalhar bem sob pressão o tempo todo e lidando bem com frustrações, entendendo que nem todos os dias serão de glória, terão dias que serão de luta muita luta pois a sociedade irá precisar de você, e o quanto mais resiliente você for, mais forte e preparado estará para lidar com as adversidades da profissão e também da vida como um todo.

Para que você consiga desenvolver essa habilidade é preciso focar e valorizar as suas ações e sentimentos que te trazem confiança para se sentir mais preparado(a) para enfrentar com flexibilidade as situações de crise, superar dificuldades e preservar a sua capacidade de seguir em frente.

Outro passo importante é que você consiga dar novos significados as situações desagradáveis que aconteceram em sua vida, situações que te marcaram de certa forma negativamente, e até mesmo ressignificar suas crenças, de forma que você consiga enxergar nessas situações grandes aprendizados e lições, que te fizeram crescer e amadurecer ao longo do tempo, que seu passado não poderá mais impactar de forma negativa em sua vida, é preciso então encarar suas emoções negativas de frente, não escondê-las nem reprimi-las e sim aceita-las e compreender que fazem parte do processo de evolução e aprendizado, pois ninguém consegue ser resiliente se for feliz o tempo todo. Pessoas resilientes são aquelas que já vivenciaram dor e sofrimento, e além de superar conseguiram dar novos significados a esses problemas ou dificuldades.

 

 

Na fase Psicológico Individual PM o psicólogo irá querer saber sobre situações onde você já se frustrou, situações das quais você teve que enfrentar alguma dificuldade, ou até investigar se você já precisou superar uma perda de alguém talvez, então entender sobre como você lida e age nessas ocasiões se tornará um diferencial para seu apto na entrevista.

E lembre-se sempre de que ser resiliente é diferente de ser insistente ou persistente, a resiliência é um processo de aprendizado e reestruturação. Ou seja, não se trata apenas de persistir incansavelmente, e sim de conexão com suas emoções, de desenvolver autoconhecimento, e de ser flexível frente as mudanças e as situações inesperadas.

 

Veja o que o edital da PM versa sobre o perfil psicológico de Soldado PM APTO

 

A resiliência é considerada uma das características dos vencedores e das pessoas fortes, pois exige um esforço muito grande para que você saia da sua zona de conforto, exige que você tenha uma visão ampla sobre as situações, exige também que você seja disposto a encarar a vida sempre de uma nova perspectiva.

Quando desenvolvemos essa habilidade em nossas vidas, porque sim podemos considerar habilidade uma vez que nem todos tem, você além de enfrentar os problemas se torna capaz de se beneficiar com eles, aprender e crescer emocionalmente. Resiliência é uma habilidade que nem todos tem, mas que é possível todos desenvolverem desde que estejam dispostos a sair da zona de conforto e principalmente esteja aberto ao autoconhecimento.

Não deixe de se preparar para um concurso tão concorrido como esse da PM SP, para ser o futuro Soldado da PM vai exigir de você preparo e dedicação, continue estudando e se preparando conosco aqui do curso palestra gratuita. E passe a entender tudo sobre essa fase Psicológico Individual PM. Bons estudos e até o próximo texto. Veja o que o edital da PM diz sobre o perfil psicológico de Soldado PM

 

 

PERFIL PSICOLÓGICO DO SOLDADO PM DE 2ª CLASSE

  • Flexibilidade moderada – ausência de rigidez na conduta, no limite em que
    não comprometa sua conduta no bom desempenho da função;
  • Disposição para o trabalho– capacidade para suportar longa exposição a
    agentes estressores, sem permitir que estes causem danos físicos ou mentais, sendo capaz de manter um bom nível de energia interna da qual o indivíduo dispõe para interagir com o meio;
  • Capacidade de liderança – potencial para agregar as forças da
    comunidade, valendo-se de criatividade e proatividade, sem abdicar da autocrítica quem
    mantém o equilíbrio das ações;
  • Relacionamento interpessoal adequado – adequado nível nas relações
    humanas, estejam em conflito ou não, que permita aperceber-se do comportamento dos
    outros do mesmo modo em que consegue comunicar-se apropriadamente;
  • Inteligência – grau de inteligência geral (fator G) dentro de faixa mediana
    padronizada para a análise, aliado à receptividade para incorporar novos conhecimentos e reestruturar conceitos já estabelecidos, com potencial de memorização, a fim de dirigir
    adequadamente seu comportamento;
  • Fluência verbal– facilidade para manipular os termos linguísticos na
    expressão do pensamento, através da verbalização clara e eficiente, expressando-se com desembaraço, sendo eficaz na comunicação;
  • Resiliência – potencial para superar frustrações e reveses, valendo-se da
    aprendizagem das vivências para desenvolver melhor suas atividades, tornando-as mais
    produtivas.

 

CONTRAPERFIL PSICOLÓGICO DO SOLDADO PM DE 2ª CLASSE

 

  • Descontrole emocional– utilização do potencial emocional sobrepondo-se
    ao racional, comprometendo o comportamento, seja por impulsividade, ansiedade ou
    agressividade descontrolada;
  • Sinais Fóbicos– presença de sinais de medo patológico ou irracional, com
    dificuldade para manter o autocontrole;
  • Falta de domínio psicomotor– ausência de habilidade cinestésica, por
    meio da qual o corpo se movimenta com eficiência, atendendo com presteza as solicitações psíquicas e ou emocionais.

Últimas do Blog

Categorias do Blog

Nossos Cursos

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Últimas Notícias:

Voltar página anterior
Fechar Menu