PSICOLÓGICO PM - POSTURA SOLDADO PM E AUTOCONTROLE

E aí, candidato? Já parou pra pensar no quanto sua postura pode interferir no seu psicológico? E ainda mais, como sua postura pode atrapalhar o seu Exame Psicológico PM? Pois hoje vamos falar um pouco sobre isso aqui no post! E, pra começar, vale falar um pouco sobre algo que costumamos fazer: Separar mente do corpo. Sim, falar sobre essa separação que fazemos é importante e você já vai entender o porquê.

De antemão, vamos dar uma olhada nas estatísticas de APTOS e NÃO-APTOS do concurso de Soldado PM, Edital nº 1/321/18. 56% dos candidatos foram declarados NÃO-APTOS, isso por diversos motivos. Conversando com alunos e ex-alunos, podemos verificar que de acordo com o perfil Psicológico PM o descontrole emocional é um dos motivos de reprovação.

psicologico-pm-concurso-pm-edital-pm-fase-do

SAÚDE MENTAL

É muito comum cuidarmos do nosso corpo, praticar atividades físicas, comer de maneira saudável, beber bastante água. Quando sentimos dor, vamos ao médico ou buscamos remédios. Quando falamos da nossa mente, é diferente. Costumamos ignorar o que sentimos, mas o que sentimos afeta diretamente o estado do nosso corpo! Você sabia?

Pode notar que, quando você está desconfortável ou não quer papo, você adota uma postura mais fechada (braços cruzados, pés cruzados, cara séria). Não podemos separar nossas emoções de nossas reações corporais pois elas estão diretamente ligadas. Tanto no nosso dia a dia, como na entrevista da PM. Isso é chamado de linguagem corporal! Meu corpo fala! E ele fala com os outros e comigo mesmo.

Prestar atenção nas nossas reações corporais e nas reações corporais dos outros pode nos ajudar a evitar conflitos e compreender melhor nossas relações (E relacionamento interpessoal é algo muito importante para o perfil Psicológico PM).

Quando nos sentimos incomodados ou começamos a sentir raiva, por exemplo, o que o corpo fala? Para algumas pessoas, a garganta começa a esquentar. Pode acontecer que, durante o Exame Psicológico PM, o entrevistador te deixe desconfortável, incomodado, e até mesmo com raiva.

Se você percebe isso antes de se mostrar uma pessoa agressiva, ou impulsiva, você encontra seu autocontrole. Da mesma forma, isso é algo que você pode praticar em suas relações.

Reconhecendo os sinais do seu corpo

Uma linha de raciocínio pode se desenrolar em sua cabeça, reconhecendo os sinais que seu corpo irá te enviar, e assim você pode avaliar a melhor conduta a ser tomada a partir dessa conclusão. Abaixo iremos te mostrar um exemplo de raciocínio que você pode tomar por base, para poder saber como começar a reconhecer os sinais de seu corpo.

“Percebi os sinais que meu corpo mandou. Estou me sentindo irritado, e se continuar assim irei explodir. O que posso fazer para lidar com isso? Talvez respirar fundo ou então pedir para continuar com a conversa depois se isso for em seu cotidiano. Percebo que meu corpo está demonstrando insegurança, como posso me sentir mais seguro? No que posso pensar para mostrar pra psicóloga que sei do que estou falando?” E assim por diante!

E aí pessoal, o que acharam? Vale a pena ouvir mais o corpo de vocês? Quais resultados positivos vocês acham que podem tirar após ouvirem o seu próprio corpo?

Comentem aí e não esqueçam de dar uma olhada nas nossas outras postagens! Confira o nosso curso de Desenvolvimento Pessoal, pois ele poderá te auxiliar na jornada pelo autoconhecimento. Dessa forma, você poderá reconhecer melhor os sinais que seu corpo de da!

Vamos deixar fixado aqui em baixo a lista de características exigidas pelo Concurso de Soldado PM, para o perfil psicológico. Assim você pode continuar atento ao que será cobrado pelo Edital.

PERFIL PSICOLÓGICO DO SOLDADO PM DE 2ª CLASSE

  • Flexibilidade moderada – ausência de rigidez na conduta, no limite em que não comprometa sua conduta no bom desempenho da função;
  • Disposição para o trabalho– capacidade para suportar longa exposição a agentes estressores, sem permitir que estes causem danos físicos ou mentais, sendo capaz de manter um bom nível de energia interna da qual o indivíduo dispõe para interagir com o meio;
  • Capacidade de liderança – potencial para agregar as forças da comunidade, valendo-se de criatividade e proatividade, sem abdicar da autocrítica quem mantém o equilíbrio das ações;
  • Relacionamento interpessoal adequado – adequado nível nas relações humanas, estejam em conflito ou não, que permita aperceber-se do comportamento dos outros do mesmo modo em que consegue comunicar-se apropriadamente;
  • Inteligência – grau de inteligência geral (fator G) dentro de faixa mediana padronizada para a análise, aliado à receptividade para incorporar novos conhecimentos e reestruturar conceitos já estabelecidos, com potencial de memorização, a fim de dirigir adequadamente seu comportamento;
  • Fluência verbal– facilidade para manipular os termos linguísticos na expressão do pensamento, através da verbalização clara e eficiente, expressando-se com desembaraço, sendo eficaz na comunicação;
  • Resiliência – potencial para superar frustrações e reveses, valendo-se da aprendizagem das vivências para desenvolver melhor suas atividades, tornando-as mais produtivas.

CONTRA PERFIL PSICOLÓGICO DO SOLDADO PM DE 2ª CLASSE

  • Descontrole emocional– utilização do potencial emocional sobrepondo-se ao racional, comprometendo o comportamento, seja por impulsividade, ansiedade ou agressividade descontrolada;
  • Sinais Fóbicos– presença de sinais de medo patológico ou irracional, com dificuldade para manter o autocontrole;
  • Falta de domínio psicomotor– ausência de habilidade cinestésica, por meio da qual o corpo se movimenta com eficiência, atendendo com presteza as solicitações psíquicas e ou emocionais.

Comentários

Artigos Recentes

Loading...